PMDB vai de nome próprio para eleição ao governo

Compartilhar           Orkut          

Clipping - O TEMPO | 05/11/2013 - Atualizada em: terça-feira, 18 de outubro de 2016 14:40

Mariela Guimarães / O TEMPO

Jornal O TEMPO
O PMDB de Minas apresentou, ontem, oficialmente o seu mais novo filiado, Josué Gomes da Silva, filho do ex-vice-presidente José Alencar. O partido também fez uma defesa intransigente da candidatura própria ao governo de Minas e apresentou o senador Clésio Andrade como pré-candidato.


Entretanto, a convergência não pareceu ser um traço bem definido no evento do PMDB mineiro. Mesmo com a presença do presidente nacional da legenda, senador Valdir Raupp, e do também senador e ex-governador do Paraná, Roberto Requião, o encontro peemedebista foi marcado pela divergência dos discursos. Todos defenderam a candidatura própria em Minas Gerais, mas a afinação cessou aí. Teve peemedebista defendendo candidatura própria também para a Presidência da República, bem como também houve a defesa da manutenção da aliança nacional com a presidente Dilma Rousseff para investir em uma candidatura nacional em 2014.

Josué Gomes da Silva repetiu o discurso conhecido de seu pai e não assumiu uma candidatura. Afirmando que sua filiação tem como objetivo ser “um soldado do partido”, o empresário lembrou a proximidade que Alencar tinha com o PMDB, mas afirmou que não sabe se será candidato. “Acabei me filiando dentro do prazo, mas isso não significa ser candidato. Se vier a ser candidato, isso não está sendo discutido agora e não foi discutido em qualquer conversa que tive. Apesar disso, ele defendeu a alternância do poder e o direito do PMDB ter candidatura própria, admitindo a possibilidade de dois palanques em Minas para Dilma Rousseff. “É hora das oposições em Minas chegarem ao Palácio da Liberdade. O PMDB tem toda a legitimidade para ter candidatura própria. Eu vejo que as oposições irão vencer em 2014. Eu espero que o nosso pré-candidato Clésio Andrade vença as eleições, mas, de qualquer forma, as oposições em Minas estarão unidas, seja no mesmo palanque, seja em dois palanques. As oposições estarão unidas”.

Nos bastidores, a informação é que PT e PMDB estudam, como estratégia, o lançamento de duas candidaturas, como forma de forçar um segundo turno com o candidato de Aécio Neves. Eles estariam avaliando que a junção dos dois partidos em um só palanque não deu resultados positivos em eleições anteriores.

Josué negou que sua filiação esteja relacionada a um pedido do ex-presidente Lula. Ele afirmou que ouviu o petista, mas garantiu que nada lhe foi imposto. Quando da filiação do empresário ao PMDB, em Brasília, Lula esteve presente. Ele também defendeu a reeleição de Dilma e Michel Temer.

Visita

Críticas. O presidente do PT de Minas, Reginaldo Lopes, esteve no evento do PMDB. Ele chegou justamente no momento em que o senador Roberto Requião, fez duras críticas ao governo petista.

Quem é Josué

Nascimento. Filho de José Alencar e Mariza Oliveira Campos, Josué Christiano Gomes da Silva nasceu em Ubá, na Zona da Mata em 25/12/1963. Formou-se em engenharia civil e em direito.

Trajetória. Mora há 24 anos em São Paulo, onde administra o império têxtil construído pelo pai. Desde 1994 é presidente da empresa têxtil Companhia de Tecidos Norte de Minas (Coteminas).

Pessoal. Josué Gomes é casado e tem um casal de filhos. Seu hobby é jogar tênis. Apesar de não viver em Minas, torce pelo Clube Atlético Mineiro.

CARLA KREEFFT

Compartilhar           Orkut