CNT divulga pesquisa sobre transporte marítimo

Compartilhar           Orkut          

| 12/12/2012 - Atualizada em: terça-feira, 18 de outubro de 2016 11:25

​Presidida pelo senador Clésio Andrade, a Confederação Nacional do Transporte divulgou, nesta quarta-feira (12), pesquisa sobre o transporte marítimo. Mais de 80% dos agentes marítimos entrevistados pela Pesquisa apontam o excesso de tributação e burocracia como os principais entraves do setor. Para as empresas que atuam diretamente nos portos nacionais, esses problemas são mais relevantes do que os gargalos de infraestrutura.

Este ano, a principal novidade da pesquisa foi a perspectiva dos 212 agentes marítimos. Eles foram consultados para avaliar as condições operacionais do transporte marítimo, uma vez que vivenciam o dia a dia dos portos. Além da tributação e burocracia, o elevado custo tarifário foi apontado por 43,9% dos entrevistados como um problema muito grave.

De acordo com o presidente da CNT, senador Clésio Andrade, os portos ainda são uma das principais barreiras do transporte no país. “Além de ampliar os investimentos em infraestrutura, é preciso modernizar os trâmites burocráticos. Portos mais eficientes dinamizam as cadeias produtivas e permitem maior competitividade aos nossos produtos no mercado internacional”, avalia. ​

Todos os dados estão disponíveis na página da Pesquisa​​



Compartilhar           Orkut