Clésio Andrade: Reuters

Compartilhar           Orkut          

Clipping - Reuters | 13/06/2013 - Atualizada em: sábado, 15 de outubro de 2016 6:47

​A avaliação positiva do governo da presidente Dilma Rousseff caiu para 54,2 por cento em junho, contra 56,6 por cento em julho do ano passado, refletindo um menor otimismo da população com questões econômicas, mostrou pesquisa CNT/MDA divulgada nesta terça-feira.

Segundo o levantamento da Confederação Nacional do Transporte/MDA Pesquisa, 35,6 por cento veem o governo como regular, ante 35,5 por cento em julho de 2012, e 9,0 por cento fizeram uma avaliação negativa do governo, comparados com os 7,0 por cento do ano passado. A margem de erro da pesquisa é de 2,2 pontos percentuais.

"
Podemos concluir que há uma queda do otimismo com relação ao emprego e à renda mensal", disse o senador e presidente da CNT, Clésio Andrade (PMDB-MG).

O percentual dos que acham que a situação do emprego irá melhorar nos próximos seis meses caiu para 39,6 por cento, em comparação com 54,1 por cento em julho do ano passado. O grande aumento se deu entre os que acreditam que a situação se manterá igual, que passou para 44,5 por cento, ante 32,2 por cento.

J
á os que acham que o quadro do emprego vai piorar passou para 11,5 por cento, ante 9,6 por cento.

Em relação à renda, os que esperam um aumento nos próximos seis meses caíram para 35,8 por cento, ante 49 por cento.

A aprovação do desempenho pessoal de Dilma oscilou negativamente para 73,7 por cento neste mês, ante os 75,7 por cento registrados em julho de 2012, última vez em que a pesquisa CNT/MDA havia sido divulgada.

Pesquisa Datafolha divulgada no último fim de semana mostrou que a avaliação ótima/boa do governo caiu para 57 por cento, ante 65 por cento em março deste ano. A avaliação regular pulou para 33 por cento, ante 27 por cento há três meses, e a ruim e péssima foi a 9 por cento, ante 7 por cento.

A pesquisa CNT/MDA entrevistou 2.010 pessoas entre os dias 1o e 5 de junho, em 134 municípios -- anteriormente, a CNT havia informado que o número de entrevistados era de 2.000.

Compartilhar           Orkut