Brasil deve ficar no ranking econômico, diz Senador Clésio

Compartilhar           Orkut          

| 04/09/2012 - Atualizada em: segunda-feira, 10 de outubro de 2016 2:09

​A possibilidade de a Inglaterra retomar do Brasil a sexta posição no ranking da economia mundial e a previsão de que o México pode substituir a liderança econômica brasileira na América Latina, no prazo de dez anos, foram avaliados pelo senador Clésio Andrade como sinais de alerta para o país.

“A posição do Brasil no ranking não deve ser vista como disputa, mas como comparativo da competitividade de nossa produção, o que afeta o nível de atividade econômica, o número e a qualidade dos empregos que oferecemos no nosso mercado interno”, avaliou o senador mineiro.

O senador Clésio Andrade, presidente da Confederação Nacional do Transporte (CNT), disse que o Programa de Investimento em Logística lançado pela presidenta Dilma, no entanto, deve reverter essas previsões, graças ao investimento de R$ 133 bilhões em ferrovias e rodovias. “São investimentos com grande efeito multiplicador pela redução do ‘custo Brasil’ e elevação da competitividade, da produção e do emprego, se cumprida a programação de aplicação de pelo menos R$ 79, 5 bilhões nos primeiros cinco anos”, afirmou o senador mineiro.


 

Compartilhar           Orkut