Com a benção das lideranças

Compartilhar           Orkut          

| 21/03/2012 - Atualizada em: sábado, 8 de outubro de 2016 4:03

Agência Odin/Victor Schwaner
O vice-presidente da República, Michel Temer, cumprimenta Clésio durante a cerimônia

 

Filiado ao PMDB em cerimônia na Assembleia Legislativa de Minas Gerais nesta segunda feira (19), com a participação do presidente em exercício do PMDB, senador Valdir Raupp; o líder do partido no Senado, Renan Calheiros; o ex-líder do Governo na Casa, Romero Jucá; os senadores peemedebistas Vital do Rego, Eunício de Oliveira e de outros partidos, como Antonio Russo (PR) e Gim Argello (PTB), o senador Clésio Andrade (PMDB-MG) chega com prestígio ao partido mais expressivo da casa.

Para receber o 19º representante do PMDB no Senado, a Convenção Extraordinária do partido contou com mais de 1.300 peemedebistas entre prefeitos, deputados, lideranças locais e correligionários. O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, foi um dos representantes do partido no Executivo.

Nesta terça-feira (20), na primeira sessão do Plenário como senador peemedebista, Clésio sentiu o carinho dos companheiros de casa. Renan Calheiros (PMDB-AL) comunicou ao Senado que o parlamentar mineiro é o novo integrante da bancada. “É com muita honra que contamos com o senador Clésio Andrade, um grande empresário, que traz sua experiência na vida privada para contribuir com o nosso partido e com o país.”
 
Eduardo Braga (PMDB-AM), líder do governo no Senado, lamentou não ter conseguido comparecer à cerimônia de filiação do senador Clésio Andrade e deu as boas vindas. “Seja muito bem vindo, senador Clésio Andrade, e conte sempre com o seu companheiro aqui para engrandecer a sua contribuição com o partido na casa.”

Companheiros de estado, os senadores Zezé Perrela (PDT-MG) e Aécio Neves (PSDB-MG) também fizeram questão de parabenizar o senador Clésio Andrade e o novo partido.
 
Por Minas

Clésio filiou-se afirmando que manterá suas bandeiras em favor de Minas e do Brasil, agora com mais vigor, pois terá o apoio de um partido forte e democrático, enraizado por todo o país e por Minas Gerais.

Clésio disse que vai prosseguir na luta pela elevação dos royalties do minério de ferro; pela melhoria e duplicação de rodovias como as BRs 262, 381, 040 e 367; pela redistribuição dos fundos de participação dos municípios e pela instalação do Tribunal Regional Federal em Minas.




Conteúdo multimídia

Ouça reportagem sobre o tema.

Compartilhar           Orkut