Para conter a “guerra dos portos”

Compartilhar           Orkut          

| 05/03/2012 - Atualizada em: domingo, 2 de outubro de 2016 12:54

APPA/Fábio Scremim


O senador Clésio Andrade (MG) se manifestou favorável à Resolução 72/2010, que estabelece alíquotas do ICMS sobre produtos importados, com o objetivo de conter a “guerra dos portos”.

Esse é o nome com que ficou conhecida a redução de impostos de importação por determinados estados e que tem incentivado a importação de mercadorias que competem com a produção nacional, promovendo à desindustrialização  e a redução na oferta de empregos.

O senador mineiro, atualmente sem partido, afirmou que vai seguir a mesma posição do PMDB, que fechou questão em torno do assunto. Levantamento da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) indica que as isenções de ICMS fizeram com que as importações, em 2011, fossem  22,1% maiores e que, de 2000 a 2011, deixaram de ser criados 915 mil empregos no Brasil.

 

Compartilhar           Orkut