Senador alerta para concentração de receitas da União

Compartilhar           Orkut          

| 09/02/2012 - Atualizada em: segunda-feira, 3 de outubro de 2016 22:25

O senador Clésio Andrade (MG) voltou a criticar a concentração de receitas por parte da União, ao comentar o anúncio do Termômetro Tributário de que a carga tributária brasileira bateu novo recorde, chegando a 36,2% do PIB.

Enquanto a arrecadação federal cresceu 1,98% do PIB, apontou Clésio, a soma dos principais impostos estaduais se elevou apenas 0,02%, atingindo a 7,79% do PIB de 2011, segundo o Termômetro.

Essa realidade, segundo o senador mineiro, faz com que estados e municípios acabem tendo que recorrer sempre ao Tesouro Nacional para resolver seus problemas e para qualquer investimento. “Essa concentração não favorece a democracia nem a governabilidade” – disse Clésio.

 

 

 

Compartilhar           Orkut